Um magnetizador: o curandeiro ideal para reequilibrar seu corpo

O magnetismo visa promover um melhor gerenciamento de distúrbios como ansiedade e estresse e, em seguida, combater problemas relacionados ao sangue e às células. Hoje em dia, esta disciplina ancestral é geralmente invocada quando a medicina convencional falha.

Se for eficaz na maioria dos casos, ainda é preciso cautela, pois o magnetismo continua sendo uma ciência sem comprovação e muitos impostores invadem o setor à vontade. Para ajudá-lo a entender melhor as missões e a importância de um magnetizador, aqui estão os detalhes que você deve saber.

O que é um magnetizador?

O que é um magnetizador? Comumente chamado de curador, um magnetizador é uma pessoa que elimina um determinado fluido através da imposição das mãos. Segundo profissionais da área, esse fluido está ancorado em cada indivíduo e depois o desenvolve ou não.

Em outras palavras, o magnetismo é uma energia emitida pelo corpo humano e disposta por todo ser humano que deve ser trabalhada para um melhor domínio. É uma energia positiva utilizada para reequilibrar as energias negativas emanadas especialmente de distúrbios psíquicos, emocionais ou físicos.

Se você deseja aprender mais sobre magnetismo, é importante consultar um profissional ou um blog magnetizador que poderá dar-lhe a sua opinião do ponto de vista da qualidade dos serviços, mas também do processo de tratamento.

Além disso, se muitos livros sobre a disciplina são publicados, alguns documentos contêm imprecisões. De fato, o uso de um comentários sobre magnetizadores revela-se útil para ter mais explicações e evitar surpresas desagradáveis que podem ser perigosas para a sua saúde.

Quais são as vantagens de usar um magnetizador?

Para promover um tratamento natural, o magnetizador é capaz de aumentar as substâncias do corpo e também as células. Na verdade, é uma solução eficaz para prevenir e combater patologias já presentes no organismo. Aqui estão algumas razões pelas quais você deve procurar este método de tratamento.

Promover a circulação contínua do sangue

A terapia magnética aumenta continuamente a circulação sanguínea, diminuindo a contração dos vasos sanguíneos. Através de sua capacidade de ativar e melhorar a oxigenação do sangue, a prática ajuda a aumentar o fluxo vascular. O magnetismo continua, portanto, a ser uma excelente abordagem para pessoas que procuram uma solução para reduzir o inchaço corporal e melhorar o bem-estar.

Alivie a dor rapidamente

O magnetismo aplicado à saúde humana também ajuda a diminuir os efeitos da dor. Isso é favorecido pela produção de endorfinas que representam substâncias analgésicas naturais. Como resultado, o tratamento realizado por meio de campos magnéticos contribui para a redução da dor, eliminando o risco de problemas gerados por dores fortes.

Alguns também lêem  Liberação de Memórias Cármicas: protocolo livre

Reduzir a inflamação

O uso do magnetismo é uma solução natural, eficaz e rápida para reduzir a inflamação. O resultado é um aumento na circulação, bem como uma diminuição no pH do sangue.

Não só é possível reduzir a inflamação, mas também compreender melhor a sua origem (aparecimento de infecções favorecidas por bactérias ou outros parasitas, bem como fatores como trauma físico).

Aumentar a regeneração celular

Regenerar as células de forma aumentada é um dos principais ativos do magnetismo. Graças a um tratamento realizado por magnetismo, o terapeuta pode estimular e aumentar a regeneração de tecidos ou ossos, melhorando o modo de funcionamento das células.

Além disso, a prática é útil para crianças e adultos, independentemente do sexo. Seja estresse, ansiedade, distúrbios intestinais e urogenitais ou excesso de trabalho, a terapia de magnetismo é eficaz e proporciona alívio rápido ao paciente.

Lembre-se que as vantagens terapêuticas do magnetismo são diversas e afetam todo o corpo. No entanto, esta terapia não deve de forma alguma substituir a medicina convencional.

Qual é o papel de um magnetizador?

O magnetismo integra práticas ancestrais que fazem parte do cuidado energético. Ainda chamado de bonesetter, o magnetizador utiliza sua própria energia vital que transfere para o paciente. Na sua intervenção, atua em vários problemas de saúde como problemas dermatológicos, dores articulares, queimaduras causadas por tratamento ou acidente.

Durante sua sessão de intervenção, o magnetizador instala seu paciente confortavelmente na posição deitada ou sentada. Ele então prossegue para uma discussão serena, a fim de determinar as doenças de que sofre. Para um diagnóstico mais preciso, o profissional utiliza ferramentas e acessórios. A intervenção do magnetizador consiste, na verdade, em uma transferência de energia para o corpo físico do paciente, com o objetivo de reequilibrar os distúrbios, fontes de sofrimento. Para fazer isso, ele coloca as mãos a uma determinada distância das partes onde terá que atuar.

Tornando-se um magnetizador: que qualidades são necessárias?

Além de sua capacidade de entender e dominar tecnicamente o magnetismo, você deve, antes de tudo, ter certas qualidades humanas para se tornar um magnetizador. É sobretudo uma vocação e na prática será necessário intervir num ser humano.

O magnetizador deve mostrar forte empatia e paciência enquanto permanece atento ao seu paciente. Essas qualidades são essenciais para esse terapeuta que enfrenta constantemente casos de doença no dia a dia. No nível comercial, ele deve não apenas dominar as técnicas básicas de comunicação, mas também demonstrar boas habilidades interpessoais.

Alguns também lêem  O que um magnetizador cura?

Finalmente, o magnetizador também deve estar aberto à sua própria dor, emoções ou fadiga física. O sucesso da sua intervenção depende do seu bem-estar. Ele deve, portanto, cuidar de si mesmo constantemente para manter uma boa saúde mental e física.

Quais são as habilidades de um bom magnetizador?

Como qualquer setor, o campo do magnetismo registra impostores, o que sem dúvida constitui um perigo para a saúde. Devemos acreditar no magnetizador? Muitas pessoas provavelmente estão fazendo essa pergunta pertinente sem uma resposta. Para entender o papel de um magnetizador, será necessário apostar em alguns critérios importantes.

Um magnetizador não usa jaleco de médico

A missão do magnetizador é fazer uso do princípio de transferência de energia colocando a mão nas áreas afetadas. O objetivo é garantir uma boa distribuição desses fluxos vibratórios.

Para beneficiar de serviços de qualidade, aconselhamos a evitar pessoas que reclamam medicamentos. Pelo processo realizado pelo seu terapeuta, você terá que identificar sua categoria de pessoa. Um bom magnetizador é o prestador de serviços que oferece soluções assistenciais além da prescrição médica clássica.

O papel de um magnetizador é aliviar a dor e oferecer-lhe bem-estar sem pretender prescrever soluções para tratar doenças graves. Ele deve perguntar ao paciente se o diagnóstico convencional foi estabelecido antes de sua consulta. A terapia do magnetismo continua sendo uma disciplina por direito próprio e não deve de forma alguma ser confundida com a medicina.

Um magnetizador não garante milagres

Analisar as promessas dos magnetizadores é uma excelente forma de identificar possíveis impostores. O terapeuta ideal oferecer-lhe-á, por exemplo, a implementação de meios para o aliviar ou de utilizar as suas ferramentas para que fique menos exausto. Graças às trocas de fluxos de energia, poderá acompanhá-lo no reforço de seus órgãos e na melhora da imunidade sem pretensão de curando.

Um bom magnetizador deve gozar de boa reputação

O boca-a-boca é uma excelente abordagem para obter informações e classificar o mundo dos curandeiros. Não hesite em procurar o conselho de seus parentes ou conhecidos que foram tratados por um magnetizador. Faça perguntas sobre o progresso e os resultados das sessões. Dê preferência ao terapeuta que registra mais bons feedbacks. Note-se que os anúncios propostos nos jornais e nos múltiplos meios de comunicação não são de forma alguma garantia de confiança.

Além disso, é recomendável informar-se sobre os preços oferecidos pelo magnetizador antes de qualquer consulta. A tabela de taxas varia de um magnetizador para outro e seus serviços não são regulamentados pela previdência social.